Inicial > Saúde > Como emagrecer com saúde

Como emagrecer com saúde

por Felipe Castro
Como emagrecer com saúde

O que fazer? Como emagrecer com saúde sem perder vitalidade, sem usar de artifícios mirabolantes como remédios de composições duvidosas e aparelhos vendidos pela TV que dão “choques” na barriga?

De acordo com a nutricionista Raquel Dieguez Silva, supervisora das unidades da Gastroservice do sul fluminense, e que atende também, as sextas feiras, na Vitaclin de Barra do Piraí: “O X da questão para se ter uma dieta bem sucedida é o horário das refeições.”

O que muitos pensam não ter importância é justamente à principal mudança que se deve fazer no cotidiano. Nosso organismo é uma verdadeira fábrica que precisa ter horário, descanso e intensa atividade para que seu funcionamento (metabolismo) esteja sempre acelerado facilitando a perda de peso. É de extrema importância respeitar a famosa dica: “Fazer pequenas refeições de três em três horas”, isso faz com que você não se alimente com fome, conseqüentemente consegue escolher melhor seus alimentos e na quantidade adequada, além de permitir que seu organismo esteja sempre em funcionamento impedindo que seu metabolismo fique lento. Também é importante destacarmos que o jantar deve ser feito no máximo até às 19:00; após este horário seu organismo já esta precisando de descanso e não tem muitas condições de fazer digestão completa dos alimentos, podendo assim transformar sua refeição na odiada: gordura localizada.


blank

Outra dica essencial em uma dieta de sucesso é fazer as seis refeições indicadas diariamente: desjejum (café da manhã), colação, almoço, lanche, jantar e ceia. Lembrando que colação e a ceia são refeições leves que devem ter em seu cardápio alimentos de baixa caloria, como por exemplo: uma barra de cereais ou um copo de gelatina diet ou um copo de suco com adoçante ou um copo de iogurte natural com algum tipo de fibra (linhaça, aveia, quinoa, etc), pois essas refeições servem apenas para impedir que se tenha um período longo de jejum.

Já o desjejum e o lanche da tarde podem ser compostos por uma quantidade maior de calorias, mas sem abusos. Um exemplo legal de cardápio para essas refeições é: uma fatia de pão de forma integral, requeijão light ou uma fatia de queijo minas, um copo de café com leite desnatado ou um copo de suco natural, e uma fruta.

No almoço e jantar temos as refeições mais importantes do nosso dia-a-dia, portanto, temos que dar atenção especial a composição do nosso prato, tendo uma quantidade reduzida de carboidratos (no máximo quatro colheres de sopa), um tipo de proteína que se encaixa perfeitamente em um pedaço de carne (dando atenção apenas as carnes vermelhas que devem ser ingeridas três vezes por semana no máximo, mesmo assim essa quantidade é para aquelas pessoas que não tem nenhum tipo de problema de saúde como: doença renal, ácido úrico, gota, etc.), uma concha pequena de feijão (porém esse feijão entra apenas na hora do almoço, sendo dispensado no jantar para evitarmos acúmulo de gordura), e é claro nossa peça chave em um prato bem elaborado que é a salada, com hortaliças e legumes. O único ponto que precisamos levar em consideração no caso da salada é com relação aos vegetais do tipo “C” (batata inglesa, batata baroa, batata doce, inhame, aipim), pois estes têm uma grande concentração de carboidratos e não devem ser misturados no prato junto com o arroz, caso queira comer algum desses legumes é importante tirar o arroz e substituir pelo Vegetal Tipo “C” desejado.

E claro devemos retirar alguns hábitos do nosso dia-a-dia para que esta dieta consiga ter o melhor resultado possível, são eles:

– Evitar frituras, alimentos gordurosos e doces

– Evitar refrigerante e bebida alcoólica

– Evitar açúcar refinado, caso não goste de adoçante opte por açúcar do tipo mascavo ou até mesmo o açúcar cristal que são mais saudáveis.

– Evitar o sedentarismo pode dobrar a quantidade de peso perdido com a dieta de emagrecimento. Apenas com a dieta, normalmente se perde de forma saudável de 4 à 6 kg por mês, mas auxiliada de uma atividade física, essa perda pode aumentar para 8 à 10kg, dependendo da intensidade do exercício.

Por incrível que pareça, beber bastante água também auxilia, e muito, ao emagrecimento saudável.  O consumo d’água tem uma grande influência no bom funcionamento do nosso organismo. Beber, no mínimo, dois litros de água por dia ajuda no metabolismo acelerado e eficiente.

Raquel Dieguez Silva é nutricionista e mora em Barra do Piraí - RJ

Raquel Dieguez Silva é nutricionista e mora em Barra do Piraí – RJ

Ao fim da conversa, Raquel fez questão de lembrar também: “Não podia terminar esta conversa sem dizer que não basta saber de todas as dicas e não colocar em prática, ou colocar apenas por uns dias e depois relaxar; essas dicas são para serem seguidas diariamente e com muita força de vontade, pois só assim chegará ao resultado desejado”.

Não existe fórmula milagrosa leitores, nos primeiros dias com certeza seu organismo sentirá falta dos velhos hábitos. Muita força de vontade será essencial para se manter saudável, por isso, trace metas. A disposição é o ingrediente chave para se alcançar o sucesso em qualquer dica de emagrecimento.

Como emagrecer com saúde e comendo bem


blank

You may also like

Deixe um Comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Saber mais